Home » Manchetes » MP obtém no TJ aumento de pena para pai condenado por estupro dos filhos em Machadinho

MP obtém no TJ aumento de pena para pai condenado por estupro dos filhos em Machadinho

 

 


 

 

 

O Ministério Público de Rondônia obteve, junto ao Tribunal de Justiça de Rondônia, o aumento de pena, de 14 anos para 48 anos de reclusão, de réu condenado pelos crimes de estupro, estupro de vulnerável e ameaça, todos praticados contra os filhos.

A reforma da pena foi concedida pela 2ª Câmara Criminal, que julgou parcialmente procedente Recurso de Apelação, interposto pelo Ministério Público, após a sentença proferida pela 1ª Vara Criminal de Machadinho do Oeste.

De acordo com o MP, o réu praticou o crime em diversas ocasiões, quando as crianças e adolescentes tinham idade entre oito a 14 anos.

No acórdão, o relator do caso ressaltou, entre outros pontos, que jurisprudência do Tribunal consigna que ‘nos crimes sexuais envolvendo vulneráveis é cabível a elevação da pena pela continuidade delitiva no patamar máximo, quando restar demonstrado que o acusado praticou o delito por diversas vezes durante determinado período de tempo, sendo inviável exigir a exata quantificação do número de eventos criminosos, sobretudo porque em casos tais, os abusos são praticados incontáveis e reiteradas vezes, contra vítimas de tenra ou pouca idade’.

Considerando entendimento local e de Cortes Superiores, o Tribunal de Justiça de Rondônia deu provimento ao recurso do Ministério Público para que o réu seja condenado a pena de 48 anos de reclusão e 1 mês de detenção, em regime fechado, e 10 dias-multa.

 

 

 

 

 

 

 

 

FONTE: Assessoria de Comunicação – ASCOM

MP obtém no TJ aumento de pena para pai condenado por estupro dos filhos em Machadinho Reviewed by on .           O Ministério Público de Rondônia obteve, junto ao Tribunal de Justiça de Rondônia, o aumento de pena, de 14 anos para 48 anos           O Ministério Público de Rondônia obteve, junto ao Tribunal de Justiça de Rondônia, o aumento de pena, de 14 anos para 48 anos Rating: 0

Leave a Comment

scroll to top