24 de janeiro de 2021

Home » Destaques » Caminhada do Judiciário tem novo cronograma em 2019

Caminhada do Judiciário tem novo cronograma em 2019

Iniciado em março de 2018, com aceitação crescente dos servidores e magistrados do Tribunal de Justiça de Rondônia, o projeto que movimentou o Judiciário nas últimas sextas de cada mês, ganha nova data em 2019. A Caminhada, atividade que tem como objetivos a saúde, o bem-estar e a interação dos integrantes da instituição, agora será na primeira sexta-feira de cada mês.

O projeto do Departamento de Saúde e Bem-Estar Social – Desau tem, desde o início, o incentivo do presidente da instituição Walter Waltenberg, que defende, além do cuidado prioritário com a saúde, a importância dos momentos de interação entre servidores, magistrados, familiares e a comunidade.

“A Caminhada do Judiciário é uma oportunidade de criarmos um hábito saudável, que é a atividade física e, fazê-la na companhia das pessoas com quem passamos uma boa parte do nosso tempo, estreita as relações de amizade e a cordialidade, tão importantes no nosso cotidiano”, disse.

O magistrado participou de várias edições da caminhada, inclusive no interior do estado, quando esteve na comarca de Jaru, por exemplo. “Só não vou quando tenho algum compromisso institucional fora do estado”, acrescentou.

O diretor do Desau, Alex Castiel, afirmou que a Caminhada “além de proporcionar a prevenção contra vários tipos de doenças, trouxe um novo ânimo para algumas pessoas que estavam sedentárias, pois o simples fato de reunir-se com colegas de trabalho abriu portas para a criação de novas oportunidades, como, por exemplo, um grupo de servidores que inseriu a bicicleta como opção”.

Assessoria de Comunicação Institucional

Caminhada do Judiciário tem novo cronograma em 2019 Reviewed by on . Iniciado em março de 2018, com aceitação crescente dos servidores e magistrados do Tribunal de Justiça de Rondônia, o projeto que movimentou o Judiciário nas úl Iniciado em março de 2018, com aceitação crescente dos servidores e magistrados do Tribunal de Justiça de Rondônia, o projeto que movimentou o Judiciário nas úl Rating:
scroll to top